FC_Serviços_Pop_Up
Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão_Pop_Up
Armazém Paraíba Monsenhor Gil 970x90
FC_Serviços_Topo
Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão 970x90
Cajuína Dona Dia 970x90
Transferência

Secretaria de Cultura é transferida para o Ministério do Turismo

Órgão deixa a pasta da Cidadania, de Osmar Terra, e vai para o comando de Marcelo Álvaro Antônio; filho do pastor R. R. Soares deve assumir posto na secretaria.

07/11/2019 10h29
Por: Redação
Fonte: Estadão Conteúdo

O governo federal decidiu transferir a Secretaria Especial de Cultura do Ministério da Cidadania para o Ministério do Turismo, comandado por Marcelo Álvaro Antônio. O Decreto 10.107, publicado na edição desta quinta-feira do Diário Oficial da União, autoriza a transferência da secretaria e também do Conselho Nacional de Política Cultural, da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura; da Comissão do Fundo Nacional de Cultura; e outras seis Secretarias.

Segundo o Decreto, ficam transferidas para o Ministério do Turismo as competências de política nacional de cultura; de proteção do patrimônio histórico, artístico e cultural; de regulação dos direitos autorais; de assistência ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária nas ações de regularização fundiária, para garantir a preservação da identidade cultural dos remanescentes das comunidades dos quilombos; de desenvolvimento e implementação de políticas e ações de acessibilidade cultural; e formulação e implementação de políticas, programas e ações para o desenvolvimento do setor de museus.

Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo

Sem titular

A Secretaria Especial de Cultura está sem titular desde ontem, quando o economista Ricardo Braga, que estava há dois meses na função, foi exonerado do cargo para assumir a Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do Ministério da Educação. O porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, confirmou nessa quarta-feira que um dos nomes que são avaliados pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar o cargo é o do ex-deputado federal Marcos Soares (DEM-RJ), filho do pastor R. R. Soares, da Igreja Internacional da Graça de Deus. Além de Marcos, o atual diretor do Centro de Artes Cênicas (Ceacen) da Funarte, Roberto Alvim, é cotado ao cargo.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Banner 300x600 II
Adsnse 600
Sua Empresa Vista 10 Mil Vezes 300x600
FC_Arranha-céu
Adsense 300 I
Cajuína Dona Dia
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Banner lateral interna posição 4
Adsense lateral interna posição 5