FC_Serviços_Pop_Up
Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão_Pop_Up
Armazém Paraíba Monsenhor Gil 970x90
Cajuína Dona Dia 970x90
Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão 970x90
FC_Serviços_Topo
Defesa

Caso Vanessa: Defesa de Pablo pede novas diligências à Justiça

No pedido, que foi protocolado nessa segunda-feira (21), a defesa não entrou no mérito da acusação contra Pablo Campos, mas tão somente se limitou a requerer a realização de diligências.

24/10/2019 11h06
Por: Redação
Fonte: GP1

A defesa do empresário Pablo Henrique Campos Santos requereu junto ao juiz de direito da 1ª Vara do Tribunal Popular do Júri da Comarca de Teresina, Antônio Reis Nolêto, o pedido de realização de novas diligências no caso que apura o feminicídio da jovem Vanessa Carvalho e da tentativa de feminicídio da então namorada de Pablo Campos, Anuxa Kelly, ocorridos na madrugada do último dia 29 de setembro deste ano, após a saída de uma festa de casamento na Avenida Homero Castelo Branco, zona leste de Teresina.

No pedido, que foi protocolado nessa segunda-feira (21), a defesa não entrou no mérito da acusação contra Pablo Campos, mas tão somente se limitou a requerer a realização de diligências que entende necessárias para elucidação do fato, quais sejam “determinar a juntada dos documentos em CD-Mídia, que serão apresentados em secretaria de juízo, contendo gravação sobre o momento em que o denunciado, no dia da pretensão, chega até a sua residência acompanhado de um veículo, para, após a juntada, determinar a realização de perícia com fins a identificar a placa e, posterior diligência para identificar o condutor do referido veículo”.

De acordo com a defesa, “a realização das diligências se justifica, tendo em vista que o denunciado, após a realização da pretensão que lhe é imputada, dirigiu-se até sua residência e foi acompanhado, nesse ínterim; tendo sido nela preso, pouco tempo depois, em flagrante”.

O assistente de acusação, Leonardo Queiroz afirmou que os novos elementos colhidos em caso de deferimento do pedido da defesa vão confirmar os fatos narrados no momento do recebimento da denúncia contra o empresário.

“A assistência da acusação entende que as diligências requeridas pela defesa devem ser deferidas para que não se atropele nenhuma garantia individual do acusado, mas por outro lado entendemos que o fato criminoso, com todas as suas circunstâncias, já está devidamente esclarecido, e não temos dúvidas de que os elementos colhidos em sede de investigação serão confirmados em juízo, sob o crivo do contraditório e da ampla defesa e, em seguida, o acusado deve ser submetido a julgamento pelo Tribunal Popular do Júri”, pontuou Leonardo Queiroz.

O crime

A enfermeira Vanessa Carvalho morreu e sua amiga, Anuxa Kelly Leite de Alencar, ficou gravemente ferida após as duas serem atropeladas por um Jeep Renegade, na madrugada de domingo (29), por volta de 4h30, na Avenida Homero Castelo Branco, zona leste de Teresina.

O suspeito do crime trata-se do empresário Pablo Henrique Campos Santos, namorado de Anuxa, que acabou sendo preso horas depois, em casa. No dia seguinte, o juiz Valdemir Ferreira Santos, converteu em preventiva a prisão em flagrante do empresário durante audiência de custódia realizada no Fórum Cível e Criminal de Teresina. Atualmente, ele está preso na Cadeia Pública de Altos, onde aguarda o andamento do processo.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Adsnse 600
FC_Arranha-céu
Banner 300x600 II
Sua Empresa Vista 10 Mil Vezes 300x600
Cajuína Dona Dia
Adsense 300 I
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Banner lateral interna posição 4
Adsense lateral interna posição 5