Quarta, 15 de Julho de 2020 05:21
86 9 99928820
Polícia Rebelião

Presos quebram grades e iniciam rebelião na Penitenciária Irmão Guido

O presidente do Sinpoljuspi, Kleiton Holanda explicou que existem poucas informações sobre a rebelião e que segue impossibilitado o contato com pessoas que estão no interior da unidade prisional.

21/06/2020 11h21
Por: Redação Fonte: GP1

Detentos da Penitenciária Regional Irmão Guido, localizada na BR 316 em Teresina, iniciaram uma rebelião na unidade prisional na manhã deste domingo (21) por volta de 10h. Ainda não se sabe a motivação da ação dos presos no local.

Em entrevista, o presidente do Sindicato dos Policiais Civis Penitenciários e Servidores da Sejus (Sinpoljuspi), Kleiton Holanda explicou que existem poucas informações sobre a rebelião e que segue impossibilitado o contato com pessoas que estão no interior da unidade prisional.

Soubemos que iniciaram uma rebelião generalizada dos detentos na Irmão Guido, as motivações ainda são desconhecidas, as grandes de selas foram arrancadas. Estamos sem informações da parte interna, até o momento, não existem reféns e nem policiais penais feridos”, informou.

Motivação suspeita

Ainda de acordo com presidente do Sinpoljuspi, inicialmente existe uma suspeita de que os presos da unidade iniciaram a revolta devido a transferência de detentos que estavam na Cadeia Pública de Altos e foram diagnosticados com covid-19.

Recentemente foram levados alguns presos que testaram positivo para covid-19, porém ainda não se sabe se tem relação com a rebelião. Alguns presos, em torno de oito, saíram da Cadeia de Altos e foram levados para a Irmão Guido, todos esses com covid-19”, explicou.

Até o momento, o Sinpoljuspi ainda não tem dados sobre o número de presos envolvidos na ação.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.