Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão_Pop_Up
Anuncie Aqui
FC_Serviços_Pop_Up
FC_Serviços_Topo
Anuncie Aqui topo
Banner_Tony_Trindade
Armazém Paraíba Monsenhor Gil 970x90
Cajuína Dona Dia 970x90
Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão 970x90
Coronavírus Topo
Chuvas

Cerca de 300 famílias estão desabrigadas devido as chuvas no Piauí

Até o momento, cerca de 600 famílias foram afetadas em todo o estado. Dois municípios já decretaram situação de emergência..

12/03/2020 08h28
Por: Redação
Fonte: GP1

O Piauí vem enfrentando uma situação delicada, devido às fortes chuvas que têm caído nos municípios. Dois deles já decretaram situação de emergência: Piripiri e Barras. Até o momento, cerca de 600 famílias foram afetadas em todo o estado, desse número, 300 estão desabrigadas.

Em Piripiri, a situação tem se agravado. No último dia 06 uma mulher morreu após ter o carro arrastado pela força da água da chuva. Segundo o vice-prefeito do município, Murieel Queiroz, 400 famílias foram atingidas, 100 delas estão desabrigadas. O prefeito Luiz Menezes decretou situação de emergência no dia 07.

No município de Barras, onde também foi decretada situação de emergência, já foram contabilizadas 50 famílias desabrigadas, após o Rio Marataoan atingir a cota de inundação e alagar parcialmente cerca de cinco bairros que ficam na parte mais baixa da cidade. De acordo com o prefeito Carlos Monte, essas pessoas já estão sendo encaminhadas para prédios públicos, que servirão como abrigos provisórios.

Em Esperantina, 69 famílias ficaram desabrigadas, conforme a prefeita Vilma Amorim. As pessoas foram abrigadas em prédios públicos e casas de amigos e familiares.

Já em Batalha, a situação é mais crítica na zona rural, onde pelo menos 30 famílias ficaram sem suas casas, segundo o sargento Machado, que atua na Defesa Civil da cidade. “Todas as famílias desabrigadas estão em casas de parentes, duas localidades no município estão isoladas, pois a ponte que dava acesso a cidade caiu. A única forma de chegar até lá é por meio de canoa”, informou ao GP1.

Alerta em mais municípios

A Secretaria de Estado da Defesa Civil divulgou, nesta terça-feira (10), um alerta de “risco alto” em mais três municípios: Buriti dos Lopes, São José do Divino e Caxingó. Segundo os dados levantados pelo Centro Nacional de Monitoramento de Desastres Naturais, há risco de inundações e enxurradas nas referidas cidades, principalmente para as comunidades ribeirinhas.

Em Buriti dos Lopes, o risco de inundação ameaça cerca de 600 moradias, pelo aumento do nível das águas do Rio Parnaíba e seus afluentes, podendo afetar também a zona rural do município, nas localidades Barra do Longá, Vila Iracema, Passagem Canoa, Ponte Jandira, Várzea do Simão e Vila São Remígio.

Em Caxingó, a elevação dos rios Longá e Piracuruca colocam em risco principalmente os bairros Centro e Bom Jesus, onde cerca de 98 moradias estão localizadas em áreas de risco, assim como 100 moradias em São José do Divino, nas localidades Centro, Triunfo, Botaque e Brancas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Adsnse 600
Sua Empresa Vista 10 Mil Vezes 300x600
Banner 300x600 II
FC_Arranha-céu
Adsense 300 I
Cajuína Dona Dia
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Banner lateral interna posição 4
Adsense lateral interna posição 5