Convite_Republicanos
FC_Serviços_Pop_Up
Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão_Pop_Up
Anuncie Aqui
Cajuína Dona Dia 970x90
FC_Serviços_Topo
Anuncie Aqui topo
Armazém Paraíba Monsenhor Gil 970x90
Consultório_Dr_Paulo_Area_Leão 970x90
Dengue

Piauí poderá ter surto de dengue em 2020, diz Ministério

Além do Piauí, outros oito estados do Nordeste, assim como Espírito Santo e Rio de Janeiro, também poderão ser afetados pela doença.

15/01/2020 13h30
Por: Redação
Fonte: G1

Em entrevista ao G1, o porta-voz do Ministério da Saúde, Roberto Said, informou que o Piauí está entre os estados que podem ter surto de dengue a partir de março de 2020. Além do Piauí, outros oito estados do Nordeste, assim como Espírito Santo e Rio de Janeiro, também poderão ser afetados pela doença.

A dengue é uma doença sazonal e o quadro é dinâmico e pode mudar em pouco tempo, mas, no momento, os nove estados do Nordeste e as regiões do Sudeste com grande contingente populacional pouco afetadas em 2019 estão no nosso alerta”, afirmou o porta-voz.

Na semana passada, o Ministério da Saúde já havia confirmado à Folha de São Paulo um novo avanço da dengue no Brasil, com o ano de 2019 registrando o segundo maior número de mortes pela doença desde 1998. Das 754 mortes por dengue confirmadas até o dia 07 de dezembro, apenas uma ocorreu no Piauí. Apesar disso, o estado teve um aumento de 318% em casos da doença em relação ao mesmo período de 2018.

Segundo o 51º Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), com dados contabilizados de 1º de janeiro ao dia 24 de dezembro, 6.698 casos da doença foram confirmados no Estado. Ao todo, foram 7.955 casos prováveis da doença, entre casos confirmados, inconclusivos, ignorados/brancos, dengue, dengue com sinais de alarme e dengue grave.

Além do número de casos, também houve aumento no número de municípios com casos notificados. Em 2018, até a 51ª Semana Epidemiológica, 125 municípios (55,8%) não notificaram casos suspeitos de dengue. Já em 2019, no mesmo período, foram 54 municípios sem notificação (24,1%).

Segundo a Sesapi, em 2018, o óbito registrado em decorrência da doença aconteceu na cidade de Bom Jesus, localizada a 637 km de Teresina. Enquanto no ano passado, a única morte confirmada ocorreu na Capital. Até o momento, não foram confirmadas informações sobre a última vítima fatal.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários