Culto evangélico encerra festividades de aniversário de Monsenhor Gil FONTE: | publicado em: 11 de dezembro de 2017 imprimir

Foi a primeira vez, em 54 anos, que os evangélicos foram inseridos na programação oficial das festividades da cidade.

Na noite do último domingo (10), as igrejas evangélicas de Monsenhor Gil (a maioria), se reuniram no Galpão da UAB, no centro da cidade, para também comemorar  e encerrar as festividade de aniversário da cidade, que completou 54 anos e emancipação política no último dia 06.

Dezenas de fiéis se reuniram com o prefeito João Luiz, o vice-prefeito José Noronha, secretário de cultura Miro Silva, que é entusiasta da participação dos evangélicos em eventos públicos, além do vereador Jardyel Abreu, representante da Câmara de Vereadores.

Alem das autoridades políticas, estiverem presentes e/ou representadas as igrejas Assembleia de Deus de Missões, Igreja Evangélica Maranata, Igreja Assembleia de Deus Madureira e Igreja Batista Brasileira, todas com membros na sede do município e na zona rual.

Na ocasião, os representantes das igrejas fizeram uso da palavra e abençoaram o município, nos termos da fé que professam, com leituras bíblicas e cânticos de louvor a Deus.

O ponto alto do evento foi a entrega de uma Bíblia ao prefeito da cidade, que agradeceu tanto o presente quanto aos presentes pela disponibilidade em participar do evento, se colocando a disposição das igrejas para eventos futuros.

Dia da Bíblia

Por ocasião da reunião das igrejas, também foi comemorado o dia da bíblia, data comemorada em todo o país por igrejas evangélicas.

Participação da comunidade evangélica

Esta foi a primeira vez na história do município que a comunidade evangélica foi lembrada pelo poder público municipal.

A iniciativa do prefeito João Luiz foi muito bem vista pelos fiéis que, pela primeira vez, se sentiram cidadãos do município e com sua profissão de fé respeitada e enaltecida.

Religião

Monsenhor Gil está mesmo em um novo momento no que diz respeito à religião. Ao que parece, as barreiras dogmáticas estão sendo deixadas de lado, e as igrejas começam a se alinhar, inclusive com a igreja católica, visando um futuro melhor. Prova disso, foram as palavras de elogio feitas pelo pastor da Assembleia de Deus, José Cilírio, ao padre da cidade, que o considera como amigo, “melhor que dinheiro encontrado em calçada”.

Ao final, o pastor Adeías Fernandes, da igreja Maranata, orou encerrando o culto e as festividades de aniversário da cidade, pedindo as autoridades presentes que seja instituído no município “O Dia do Evangélico”, como já ocorre em outras cidades do país.

Confira as imagens:

Da redação, Por Mikeias di Mattos 

Fotos: Radialista Lima Neto.


Print page

Comente

você viu?

publicidade

redes sociais

publicidade